09 março 2015

Feminismo, Dia das mulheres e mais

   

  Já faz um tempo em que eu queria falar de novo sobre este assunto aqui no blog, e com o dia das mulheres ainda na fala, decido falar sobre como me afeta e como eu lido com tudo isso. Gosto do feminismo, me considero uma feminista visto a minha luta pelos meus direitos os direitos de outras e das futuras que estão chegando e chegarão. A
Sou maior que o medo.
ideia é acreditar na igualdade, a vontade é de tentar mudar o mundo, o dia da mulher é essencial, temos que lembrar as grandes mulheres que lutaram e abriram o caminho para todas nós, em fim esse assunto é abrangente e rede muito pano para manga.
   Toda as vezes que falo a alguém que sou feminista, bom essa pessoa me repudia e acham que eu sou uma mulher que quer dominar o mundo e os homens ou seja uma feminazi, o que para mim já é de se repudiar já que o fato é que a maioria de nós mulheres descriminamos um feminista, pelo fato de acharmos que elas são todas e iguais e que tudo que fazem é querer controlar o mundo e algo meio Iluminati.
Eu preciso do feminismo porque eu continuo a
segurar o preconceito entre gêneros e eu não quero fazê-lo.
  Mas está não é a ideia das feministas verdadeiras, não queremos dominar o mundo só queremos um mundo mais igual, já que em todos os países para onde for eu receberei menos que o meu colega homem, nós queremos ser respeitadas e quanto ser humanos, chega de cantadas nas ruas, de assédio onde quer que estivermos, estamos cansadas de nos chamarem de gostosas nas ruas e até mesmo coisa pior, eu não quero ter medo de sair na rua, eu quero a mesma liberdade que é conferida ao homem. Eu não quero mais ser sexualizada e ensinada que ser sexy para que os homens me queiram ou que eles me sexualizem como querem e eu não tenha direito de dizer basta .
   Eu não quero que os piores xingamentos se refiram as mulheres em parte como marica, bicha entre outros piores, não quero ser vista de forma injusta em relação ao homem, eu quero poder participar de todos os âmbitos do mundo, eu quero ter liberdade de dizer o que fazer com o meu corpo, eu quero que os homens possam expressar seus sentimentos sem ser xingados de mulherzinha ou viado, quero que o homem possa ser livre para escolher o que querem vestir e como se comportar. 
Quem precisa de Feminismo?
Eu preciso de feminismo porque acredito na igualdade.
é simples assim.
   EU QUERO IGUALDADE! Já temos conquistado muito e é por esse motivo que eu gosto do dia da mulher, apesar de ter perdido o real sentido que era a lembrança das tantas que tinham lutado por nossos direitos e a discussão do que ainda falta para a igualdade de gêneros, infelizmente poucas sabem desse significado a maioria pensa no dia de elogiar a si mesmas e ser elogiadas pelos homens. Não vamos entrar nisso pois já escrevi uns posts sobre o assunto, que estarão no final do post. Hoje em dia o dia da mulher virou mais um dia de elogios do que de pensar e apoiar as mulheres.
I preciso do feminismo pois não quero ter de
me desculpar por minhas opiniões fortes.
                                                                      Não quero dizer que não tenha serventia é muito bom, mas mesmo assim o significado ficou um pouco para trás. Hoje em dia vemos pessoas que acham o feminismo algo sem pelo que lutar, mas para nós que temos o que temos ainda falta muito imagine para as mulheres em países onde a mulher em si já é vista como algo não muito agradável, como uma pecadora. é preciso que deixemos os sexismos de lado e vivemos um igualdade só então nós feministas não teremos mais pelo que lutar. 
    Ser feminista não é algo ruim é acreditar em ser gênero e na igualdade que é tão necessária, a ideia do feminismo não é radicalista como várias mulheres que tiram as roupas em praça pública e todas essas coisas erradas que fazem, a ideia é mostrar a competência da mulher para chegar a igualdade, não é certo ficar nua em público para mostrar isso vai contra a ideia do feminismo e muitas feministas que começaram isso estariam hoje envergonhadas com o rumo que a situação tomou, então ser feminista é apenas acreditar na igualdade e querer ter domínio de si própria( não, eu não sou a favor do aborto, só acredito que a mulher tem de ter o direito a escolher o que ela quer, pois nem sempre a melhor opção para mim é para outras e eu respeito isso,a ideia de ser contra ou a favor do aborto depende da pessoa tem muita feminista por ai que não é a favor), não há nada a  mais que isso. No final do dia as verdadeiras feministas lutam para acabar com o sexismo, o machismo e a desigualdade de gêneros não para dominar o mundo, ficar nuas ou outras coisas, a verdadeira feminista luta com argumentos não com violência e nudez e outros artifícios medonhos. 
Post